Com as tags: preto Mostrar Comentários | Atalhos

  • Anedota Comentar!
    11 dias · , , , , , , preto,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O alentejano está a comer ao balcão de… 

    O alentejano está a comer ao balcão de um restaurante na estrada, quando entram três motoqueiros de Lisboa, tipo “Abutres” (aqueles gajos que vestem roupas de couro preto, cheias de coisas cromadas e que gostam de mostrar a sua força quando estão em bando).
    O primeiro, vai até ao alentejano, apaga o cigarro em cima do bife dele e vai sentar-se na ponta do balcão.
    O segundo, vai até ao alentejano, cospe no copo dele e vai sentar-se na outra ponta do balcão.
    O terceiro, vira o prato do alentejano e também vai sentar-se junto dos outros…
    Sem uma palavra de protesto, o alentejano levanta-se, põe o boné já gasto na cabeça e vai-se embora.
    Depois de algum tempo, um dos motoqueiros diz ao empregado do restaurante: – Aquele gajo não era grande homem!
    – Era mesmo um banana. – remata o segundo motoqueiro.
    E o empregado: – Nem grande motorista… acabou de passar com o TIR por cima de três motas que estavam ali paradas!!!
     
  • Anedota Comentar!
    25 dias · , preto   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Cúmulo da Sacanagem
Colocar um preto numa sala redonda… 

    Cúmulo da Sacanagem

    Colocar um preto numa sala redonda e pedir-lhe para mijar num canto.
     
  • Anedota Comentar!
    49 dias · preto   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    P O que é preto e castanho e… 

    P: O que é preto e castanho e assenta bem num advogado?
    R: Um doberman.
     
  • Anedota Comentar!
    51 dias · , , , , , , , , , , , , , , , , , preto, , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Numa escola de Lisboa onde há alunos de… 

    Numa escola de Lisboa, onde há alunos de vários estratos sociais, durante uma aula de Português, a professora perguntou:
    – Dêem exemplos de frases com a palavra ÓBVIO?
    Cátia Vanessa, uma das alunas mais aplicadas da turma, sempre muito bem vestida, ar de menina bem, respondeu:
    – Senhora professora, hoje acordei bem cedo, ao nascer do sol, depois de uma óptima noite de sono no conforto do meu quarto. Desci a enorme escadaria da minha vivenda e fui à copa onde tomei o pequeno-almoço. Depois de me deliciar com as mais apetitosas iguarias fui até à janela que dá para o jardim. Vi a porta da garagem aberta e que lá se encontrava guardado o Ferrari do meu pai. Pensei cá com os meus botões: ‘É ÓBVIO que o papá foi trabalhar de Mercedes’.
    Luís Cláudio, aluno de família classe média, não quis ficar atrás e disse:
    – Professora, hoje não dormi nada bem porque o meu colchão é um bocado duro, mas apesar disso ainda consegui dormir alguma coisa. Tinha ligado despertador e por isso acordei a horas. Levantei- me cheio de sono, comi um pão torrado com manteiga e tomei café com leite. Quando sai para a escola vi o Fiat Uno do meu pai parado na garagem. Disse cá para comigo: ‘É ÓBVIO que o pai não devia ter gasolina e foi trabalhar de autocarro’.
    Embalado na conversa, Geofredo Motumba Júnior, um preto da Cova da Moura, também quis responder:
    – Féssora, hoje eu quasi num dormiu porqui houve cunfusão lá nos meu rua, com tiro e tudo. Só acordei di manhã porque estava a esmorrer di fome, mas num havia nada pra comer lá nos casa. Espreitei pela janela e viu os minha vó vistido cum os camisola dus Porto e cos jornal dibaixo dus braço e aí eu pensou: ‘É ÓBVIO qui vai cágá. Num sabi ler!!!’.
     
  • Anedota Comentar!
    150 dias · , preto,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Começou a música e um bêbado levantou se… 

    Começou a música e um bêbado levantou-se, cambaleando e trocando as pernas, dirigiu-se a uma senhora de preto e pediu:
    – Hic… Madame, me dá o prazer dessa dança?
    E ouviu a seguinte resposta:
    – Não, por três motivos: Primeiro, o senhor está bêbado em pleno velório!
    – Segundo, porque não se dança o Hino Nacional!
    – E terceiro porque “madame” é a puta que o pariu, eu sou padre!
     
  • Anedota Comentar!
    167 dias · , , preto   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Mamãe mamãe por que você é branca o… 

    Mamãe, mamãe, por que você é branca, o papai é preto e eu sou japinha?
    Meu filho, se você soubesse da festa que teve naquele dia, você devia estar satisfeito de não latir!
     
  • Anedota Comentar!
    260 dias · , , preto   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Cúmulo da Escuridão
Um preto sentado num monte de… 

    Cúmulo da Escuridão

    Um preto sentado num monte de carvão, a cantar o black is black, vendendo azeitonas pretas no mercado negro, numa noite escura.
     
  • Anedota Comentar!
    287 dias · , , , , , , , , , preto,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    A esposa grávida acorda durante a noite e… 

    A esposa, grávida, acorda durante a noite e chama o marido: – Amor… Amo-or!

    • Hummmm???!!! – Acorda!!!
    • Hummm?!
    • Acoorda!!!!

    Desorientado e assustado, o marido levanta-se e pergunta: – O que é que aconteceu?!

    • Estou com um desejo…
    • Desejo???
    • Sim… de comer carne de corvo…
    • Corvo??? Mas onde é que eu vou arranjar

    um corvo agora???

    • Vai ao zoo…
    • Estás maluca!!! Não vou agora ao zoo. Vou mas é pintar um frango de preto e depois comes.
    • Não vou comer carne de corvo mas vais-te arrepender se o nosso filho nascer com carinha de corvo.

    Passam-se nove meses, chega o dia do parto e, quando o homem vai ver o seu querido filho, vê que o seu herdeiro é pretinho, mesmo pretinho. Meio apanhado, cheio de remorsos, corre para casa da mãe a lamentar-se:

    • Mãe, eu não quis dar carne de corvo à minha mulher quando ela estava grávida e sentiu esse desejo e agora o meu filho nasceu preto como o corvo.

    A mãe, bem-humorada, consola o filho que está em pranto:

    • Não chores meu filho… Quando eu estava grávida de ti, tive desejo de comer carne de boi, não consegui… e tu nasceste assim cornudo, mas só agora é que se começou a notar.
     
  • Anedota Comentar!
    521 dias · , , , , preto,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Cansada das brincadeiras sobre sua burrice a loira… 

    Cansada das brincadeiras sobre sua burrice, a loira resolveu pintar o cabelo de preto.
    Para comemorar o novo visual, foi dar uma volta de carro pelo campo e lá encontrou um pastor de ovelhas:
    — Bom dia, senhor pastor! Que lindo rebanho o senhor tem!
    — Obrigado!
    — Se eu acertar quantas ovelhas há em seu rebanho, eu ganho uma?
    — Claro! Duvido que a senhora seja capaz!
    — São 627!
    — Impressionante! Esse e o número exato de ovelhas do meu rebanho. Pode escolher uma, ela e sua!
    A loira olhou com atenção todas aquelas ovelhas macias e, depois de muito acariciá-las, selecionou uma e quando a estava levando para o carro o pastor chamou:
    — Moça! Se eu adivinhar a cor original do seu cabelo, a senhora devolve o meu cachorro?

     
  • Anedota Comentar!
    553 dias · , , preto   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Começou a música e um bêbado levantou se… 

    Começou a música e um bêbado levantou-se cambaleando, dirigiu-se a uma
    senhora de preto e pediu:

    • Hic… Madame dá-me o prazer desta dança?

    ouviu a seguinte resposta:
    Não.

    • Não, porque não?

    por quatro motivos:
    Primeiro, o senhor está bêbado!
    Segundo, isto é um velório!
    Terceiro, não se dança o Pai Nosso!
    E quarto, porque “Madame” é a p… que te p…. Eu sou o padre!

     
  • Anedota Comentar!
    888 dias · , , preto   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Um alentejano vai passar férias ao Algarve e… 

    Um alentejano vai passar férias ao Algarve e decide ir à praia. Quando lá chega, estende a toalha, deita-se e repara que ao seu lado se encontra um preto. Pergunta-lhe o alentejano:

    • Ó compradri… Faz muito tempo que está cá?
    • Dois dias. – Responde-lhe o preto

    E conclui o alentejano:

    • Elah! E eu que era para ficar cá quinze dias…
     

c
compor novo post
j
próxima post/próximo comentário
k
post anterior/comentário anterior
r
responder
e
editar
o
mostrar comentários
t
voltar ao topo
l
iniciar a sessão
h
mostrar/esconder ajuda
esc
cancelar