Ultimas Anedotas ou Piadas Publicadas Mostrar/Esconder Comentários | Atalhos de Teclado

  • Anedota 8:30 em 18 July, 2018 | Comentar!
    ,   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Um mendigo dormia descansado num banco de jardim, quando aparece um Policia e diz-lhe:

    • ” Então vamos lá acordar! Você não sabe que: ‘ O sono é a véspera da morte!’ Eça de Queirós?”

    O mendigo olha o policia estremunhado e não liga.
    Passado um pouco passa o Policia outra vez e diz:

    • ” O sono é a véspera da morte! Eça de Queirós”

    E o mendigo nada. À terceira vez o Policia diz-lhe a mesma frase, e riposta assim o mendigo:

    • ” Vá para a pu** que o pariu! António Silva”
     
  • Anedota 4:13 em 18 July, 2018 | Comentar!
    ,   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Após um terramoto que houve, não me lembro bem onde, houve uns GNR’s que foram destacados para ir ajudar as equipas de salvamento.
    Depois de algumas horas, quase no fim do dia, de debaixo dos escombros sai uma mão de um jovem que se encontrava a gemer.

    • Ai… Acudam! Acudam que eu ainda estou vivo…

    Um dos GNR’s pisa a mão do infeliz:

    • Tás vivo uma merda! Tás é mal enterrado!
     
  • Anedota 4:13 em 18 July, 2018 | Comentar!
    ,   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Há dois G.N.R.s do norte que vão apurar as causas de um acidente.
    Então vira-se assim o cabo para o praça:

    • O senhor vai apontando que eu vou tirando as medidas possíveis.

    Diz ele assim para o cabo:

    • Embate de uma vítima de um veículo ao outro: 20 metros.

    E o praça aponta.

    • O corpo da vítima: 10 metros ao longo do eixo da via.

    E o praça aponta.

    • Cabeça da vítima em cima do ‘pacheio’.

    Diz o praça:

    • Nosso cabo, ‘pacheio’ é com dois ‘s’ ou com ‘c’ de cedilha?
    • Então seu burro, você vem para a guarda sem saber escrever ‘pacheio’.

    Ora ‘pacheio’, ‘pacheio’…
    Dá um pontapé na cabeça e escreve:

    • Cabeça da vítima no meio da estrada!
     
  • Anedota 23:45 em 17 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Um homem está na bicha para o cinema. De repente dá um peido, olha para trás e diz:

    • Bem feito. Já não vais comigo ao cinema.
     
  • Anedota 19:25 em 17 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Uma carruagem de comboio vai à cunha, com gente de pé, na coxia, mas há um banco de dois lugares só com um ocupante. Cheira ali tão mal que ninguém se senta. Um espanhol, vendo o lugar vago, avança, vai p’ra sentar-se, mas pergunta delicadamente ao ocupante do outro assento:

    • Puedo?

    Resposta do outro, tranquilamente:

    • Não. Bufa!
     
  • Anedota 15:21 em 17 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    No elevador, ao lado de um casal distinto, um rapaz solta um peido barulhento.
    O marido, irritado, protesta:

    • Mas que falta de respeito! O senhor não tem maneiras ?
    • É a natureza, meu velho! – responde o rapaz em tom malcriado.
    • É a natureza! Essa é boa! Não me diga que não consegue segurar um peido!
    • Porquê? O senhor consegue?
    • Claro!

    O rapaz solta outro ainda mais barulhento.

    • Então, segura este!
     
  • Anedota 11:09 em 17 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    O Manuel se emprega como ajudante numa oficina mecânica. O dono o chama para a primeira tarefa:

    • Tô concertando o pisca-pisca deste carro. Vai lá atrás e me diz se tá funcionando.

    E o Manuel, olhando com atenção para a lanterna traseira:

    • Tá funcionando, não tá funcionando, tá funcionando, não tá funcionando…
     
  • Anedota 7:05 em 17 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    O Manuel vai trabalhar de mordomo:

    • Acorda patrão! Acorda!
    • O que Foi? O que Foi?
    • Está na hora do senhoire tomar o remédio para durmire…
     
  • Anedota 2:58 em 17 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Depois de um dia inteiro de caminhada, o caçador e seu guia chegam finalmente ao pico da montanha. À noite, em torno da fogueira, os dois conversam:

    • Sabe, Ramiro, você é um grande guia e me inspira total confiança, mas fico pensando uma coisa: se por acaso eu sofresse algum acidente ou ficasse doente, como você faria para me levar de volta para a cidade, eu com os meus 90 quilos.
    • Nenhum problema, patrão. No ano passado, desci sozinho esta montanha levando nas costas um javali de quase 200 quilos.
    • Duzentos quilos? Sozinho? Como você fez isso?
    • Umas dez viagens, patrão.
     
  • Anedota 22:54 em 16 July, 2018 | Comentar!
    ditador, sul-america   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Um ditador sul-americano dirige-se incógnito a um cinema.
    Senta-se no meio da multidão e, na obscuridade, ninguém o reconhece.
    No écran passam as actualidades. De repente, aparece ele próprio no filme, na varanda da sua residência, a falar ao povo.
    Imediatamente a sala inteira levanta-se e aplaude.
    Só o ditador permanece sentado, saboreando a sua glória.
    Então o vizinho do lado inclina-se para ele e segreda:
    -Levanta-te, parvalhão!! A sala está cheia de bófias e arriscas-te a ser fuzilado por aquele estafermo!!

     
  • Anedota 18:43 em 16 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Depois do golpe de estado que proibiu o Solidariedade e instaurou a lei marcial na Polónia o General Jaruselski que tomou o poder à frente duma junta militar foi visitar a Virgem Negra de não-sei-quantos e começou a queixar-se à Virgem do facto da sua acção não ter sido compreendida pelo povo polaco, que passara a desprezá-lo. Era difícil para ele suportar um tal desprezo e o que ele queria era que a Virgem o ajudasse.
    De repente a virgem falou:

    • E como é que eu te posso ajudar?
    • Ó Virgem! – exclamou Jaruselski – Se, por exemplo, fizesses com que eu pudesse caminhar sobre a água como Jesus, o povo polaco como é profundamente religioso interpretaria isso como um sinal divino de que a razão está do meu lado.
    • OK! – respondeu a virgem – Será feita a tua vontade. Amanhã dirige-te ao rio Visla,e caminharás sobre a água como Jesus o fez.

    O General foi para casa e começou a pensar: “Será que não sonhei ter falado com a Virgem? Pelo sim pelo não, é melhor ir bastante cedo, quando houver ainda pouca gente, não vá fazer figura de urso.”
    E assim foi. No dia seguinte, de madrugada, dirigiu-se a margem do rio.
    À excepção de 2 pescadores na margem oposta, não havia ainda ninguém. Jaruselski aproximou-se com cuidado, pôs o pé em cima da água, e… milagre! A água tornara-se sólida!
    Começou então a atravessar o rio…
    Entretanto na outra margem um dos pescadores vira-se para o outro:

    • Olha lá, estás a ver aquele tipo a caminhar pela água? não será o General Jaruselski?
    • Pois é! Olha-me só esse filho da Puta, nem sequer nadar sabe!!!
     
  • Anedota 14:32 em 16 July, 2018 | Comentar!
    alemanha, polonia   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Logo após o aparecimento do sindicato Solidariedade na Polónia, 2 cães encontram-se na fronteira entre a Polónia e a RDA. O cão polaco vai para a RDA e o alemão para a Polónia.

    • O que vais fazer à RDA – pergunta o cão alemão
    • Vou tentar arranjar comida. E tu? O que vais fazer à Polónia?
    • Vou ladrar um bocado.
     
  • Anedota 10:17 em 16 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Todor Jivkov está a presidir a uma reunião do P.C. da Bulgária quando de repente toca o telefone directo com o Kremlin. Faz-se silencio na sala. Jivkov atende: “Alô, sim, camarada Brejnev… sim… sim… claro que sim, camarada Brejnev…”. Nas caras dos presentes há sorrisos, gestos afirmativos e de satisfação. Mas, de repente, ouvem Jivkov dizer: “Não, camarada Brejnev, de maneira nenhuma…”.
    Inquietação geral na sala, expressões de angustia. “Por favor, claro que não, camarada Brejnev…”. Alarme geral, embora silencioso, no plenário. Todos olham intensamente para Jivkov, tentando perceber o que se passa. “Repito que não camarada Brejnev”, diz Jivkov e desliga o telefone. “O camarada Brejnev estava a perguntar se nos tinha incomodado”, explica.
    A tranquilidade volta aos rostos de todos.

     
  • Anedota 6:15 em 16 July, 2018 | Comentar!
    checoslovaquia   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    O prémio atribuído pelas Nações Unidas ao País que ao longo da sua História, melhor respeitou o princípio da não ingerência nos assuntos internos de outros países foi atribuído à Checoslováquia, porque é o país que de tal forma respeita este princípio que nem nos seus próprios assuntos internos intervém.

     
  • Anedota 2:12 em 16 July, 2018 | Comentar!
      
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Um dirigente de um dos países socialistas regressa de uma reunião no Kremlin.
    Pelo caminho pára o automóvel de 2 em 2 quilómetros, sai para apanhar algumas pedras à beira da estrada e volta com elas para o veículo. Um comportamento estranho e inexplicável que começa a preocupar a escolta. Entretanto, depois de um contacto com o Kremlin esclarece-se tudo: o dirigente tinha levado por engano um envelope com as instruções do Lunakod *

    • Veiculo automático utilizado na exploração da Lua
     
  • Anedota 21:36 em 15 July, 2018 | Comentar!
    checo,   
    share on facebook tweet on twitter post to tumblr +1 on google+

    Um russo e um checo encontram juntos um tesouro no deserto.
    Diz o russo para o checo:
    “Camarada, vamos partilhar o tesouro como irmãos socialistas”.
    Ao que o checo responde: “Deixa-te de tretas, metade para cada um.”

     

c
compor novo post
j
próxima post/próximo comentário
k
post anterior/comentário anterior
r
responder
e
editar
o
mostrar/esconder comentários
t
voltar ao topo
l
iniciar a sessão
h
mostrar/esconder ajuda
esc
cancelar