Com as tags: menino Mostrar Comentários | Atalhos

  • Anedota Comentar!
    24 dias · , , , , , menino, , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Estavam uns miúdos a brincar no pátio da… 

    Estavam uns miúdos a brincar no pátio da igreja por altura do Natal. Até que um deles sem querer esbarra num dos bonecos do presépio e parte-o. Passado um bocado chega o padre e, ao ver o boneco partido, diz:

    • Quem é que partiu o pastor?

    Todos ficam muito calados até que depois de muita insistência o culpado se acusa. O Padre imediatamente diz:

    • Então tens de pagar o estrago.

    E responde o menino:

    • Eu não tenho dinheiro senhor padre.

    E o Padre:

    • Então pagam os teus pais.

    E o menino

    • Eu já não tenho pais.

    E o Padre:

    • Então não tens ninguém? És sozinho no mundo?

    Responde o miúdo:

    • Não! Eu tenho uma irmã mais velha.

    O Padre:

    • Pronto paga ela.

    E responde o miúdo:

    • Ela também não pode pagar, não tem dinheiro. É freira…

    Corrigindo o menino, diz o Padre:

    • Não se diz freira, diz-se esposa de Cristo.

    E finaliza o menino:

    • Ah! Então o meu cunhado que pague…
     
  • Anedota Comentar!
    29 dias · , menino, , , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    A professora pergunta ao menino Joãozinho o que… 

    A professora pergunta ao menino Joãozinho o que quer ser quando for grande.
    O menino responde:

    • Quero ser o Pai Natal!

    Espantada pergunta a professora:

    • O Pai Natal?! Então mas porquê?

    Explica o Joãozinho:

    • Ora! Ao menos assim só trabalhava uma vez por ano…
     
  • Anedota Comentar!
    60 dias · , , , , , menino, , , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Uma senhora foi para a maternidade para ter… 

    Uma senhora foi para a maternidade para ter dois bebés: 1 rapaz e 1 rapariga gémeos.
    Em homenagem a sua terra ela chamou a menina de Madeira e o menino de João Jardim.
    O Dr. Alberto João Jardim, ao saber da notícia, foi visitar a mãe e bebés.
    Ao chegar, a senhora estava a dar peito ao menino e o Sr. Jardim tenta agradecer pela linda ideia dos nomes.
    A senhora interrompe-o e diz baixinho: Chiiiiuuuu!!! Se a Madeira acorda, o João Jardim não mama mais…
     
  • Anedota Comentar!
    77 dias · , , , , , menino, , , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    No primeiro dia de aula a professora chama… 

    No primeiro dia de aula, a professora chama os alunos um por um e pede para eles se apresentarem brevemente, dizendo o nome e a profissão dos pais.
    – Eu me chamo Luciana – diz uma menina- minha mãe é dona de casa e meu pai, engenheiro.
    – Eu sou o Luís Carlos – diz um garoto – minha mãe é arquiteta e meu pai, bancário.
    – Eu sou o Roberto – diz um outro menino – minha mãe é prostituta e meu pai faz strip-tease numa boate gay.
    Silêncio sepulcral. A professora, constrangida, muda rapidamente de assunto.
    No recreio, os colegas perguntam para Roberto: – É verdade que sua mãe é prostituta e seu pai tira a roupa na frente das bichas?
    – Não! – responde o Roberto – É que fiquei com vergonha de contar que eles trabalham na Microsoft!
     
  • Anedota Comentar!
    83 dias · , , , , , , , , , , menino, , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Mê querido filho Ponho te estas poucas linhas… 

    Mê querido filho.
    Ponho-te estas poucas linhas que é para saberes que tôu viva.
    Escrevo devagar porque sei que não gostas de ler depressa. Se receberes esta carta, é porque chegou. Se ela não chegar, avisa-me que eu mando outra.
    O tê pai leu no jornal que a maioria dos acidentes ocorrem a 1 km de casa.
    Por isso, mudámos pra mais longe.
    Sobre o casaco que querias, o tê tio disse que seria muito caro mandar-lo pelo correio por causa dos botões de ferro que pesam muito. Assim, arranquei os botões e meti-os no bolso. Quando chegar aí, prega-os de novo.
    No outro dia, houve uma explosão na botija de gás aqui na cozinha. O pai e eu fomos atirados pelo ar e caímos fora de casa. Que emoção! Foi a primeira vez em muitos anos que o tê pai e eu saímos juntos.
    Sobre o nosso cão, o Joli, anteontem foi atropelado e tiveram de lhe cortar o rabo, por isso toma cuidado quando atravessares a rua.
    Na semana passada, o médico veio visitar-me e colocou na minha boca um tubo de vidro. Disse para ficar com ele por duas horas sem falar. O tê Pai ofereceu-se para comprar o tubo.
    Tua irmã Maria vai ser mãe, mas ainda não sabemos se é menino ou menina. Portanto, nã sei se vais ser tio ou tia.
    O tê mano Antóino deu-me hoje muito trabalho. Fechou o carro e deixou as chaves lá dentro. Tive de ir a casa, pegar a chave suplente para a abrir. Por sorte, cheguei antes de começar a chuva, pois a capota estava em baixo.
    Se vires a Dona Esmeralda, diz-lhe que mando lembranças. Se nã a vires, nã digas nada.
    Tua Mãe Mariana
    PS: Era para te mandar os 100 euros que me pediste, mas quando me lembrei já tinha fechado o envelope.
     
  • Anedota Comentar!
    121 dias · , , , menino   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Joãozinho vai a farmácia Seu Joaquim me dê… 

    Joãozinho vai a farmácia. – Seu Joaquim, me dê uma caixa de supositórios.
    Distraído, o menino pega a caixa e vai saindo da farmácia sem entregar o dinheiro.
    – É pra pôr na conta de sua mãe? – Pergunta o farmacêutico.
    – Não, é prá pôr no cu do meu pai!
     
  • Anedota Comentar!
    129 dias · , , , menino,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O pai estava a passear com o filho… 

    O pai estava a passear com o filho. A certa altura, o garoto perguntou:
    
— Pai, o que é electricidade?
    — Bem, não sei ao certo — respondeu o pai. — Tudo o que sei é que é algo que faz as coisas funcionarem.
    Mais adiante, o menino fez outra pergunta.
    — Pai, como é que a gasolina faz os motores funcionarem?
    
— Não sei, filho. Não entendo nada de motores. Depois de curto intervalo, o garoto novamente:
    — Pai, porque brilha o asfalto, como se estivesse molhado, nos dias de calor?
    — Não sei, não entendo de pavimentação. 
Outras perguntas se seguiram, com quase os mesmos resultados. Por fim, o garoto interrogou:
    — O pai não se aborrece quando faço todas essas perguntas?
    
— Claro que não, filho. De que outra forma tu aprenderias alguma coisa?
     
  • Anedota Comentar!
    141 dias · , , , , , menino,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Havia uma professora que não tinha ensinado nada… 

    Havia uma professora que não tinha ensinado nada aos alunos, e então recebeu uma carta a avisá-la que iria receber em breve a visita de um inspector.
    Ela então explicou aos alunos o que se ia passar, e que eles não deveriam ficar nervosos, e que quando não soubessem alguma coisa que ele lhes perguntasse, que olhassem para ela que ela iria arranjar uma maneira de ajudá-los.
    Assim foi, no dia da visita o inspector escreve no quadro a letras grandes CANETA.
    – Pode ser esse menino aí na primeira fila. Leia isto em voz alta.
    O garoto olha para a professora, que, enquanto o inspector estava a escrever, pegou numa caneta e começa a soletrar:
    – Ca-ne-ta!
    – Sim senhor, agora isto.
    – e volta a escrever, desta vez BORRACHA
    – Você aí ao lado agora. Mesma cena, e o garoto:
    – Bo-rra-cha!
    – Hmm afinal isto não está assim tão mal quanto diziam. Bem mais uma vez, agora aquele menino lá no fundo.
    – e ele escreve SINO O garoto aflito a olhar para a professora que estava a sacudir a mão fechada para cima e para baixo como quem está a tocar o sino.
    – Pu-nhe-ta
     
  • Anedota Comentar!
    150 dias · , menino,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Fui apresentar ao professor de desenho os quadros… 

    Fui apresentar ao professor de desenho os quadros feitos pelo nosso filho, e ele aconselhou-me a orientar o menino para a literatura.
    
— Mas porquê?
    
— Diz ele que sai mais barato estragar papel do que estragar telas, pincéis e tintas…
     
  • Anedota Comentar!
    249 dias · menino   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Mamãe mamãe No colégio um menino me chamou… 

    Mamãe, mamãe… No colégio um menino me chamou de mariquinhas…
    E por que você não bate nele?
    Aii, é que ele é tão lindo…
     
  • Anedota Comentar!
    259 dias · , , , , menino   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O menino volta da escola e a mãe… 

    O menino volta da escola e a mãe pergunta:
    – Como foi na prova, meu filho?
    O moleque faz uma cara de cansado e responde:
    – Polarmente, mãe… Polarmente…
    A mãe, que não entendeu nada, larga seus afazeres e pergunta novamente:
    – Polarmente? O que é isso, filhote?
    E o filho responde:
    – Tudo próximo de zero…
     
  • Anedota Comentar!
    270 dias · , , menino, ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O pai abriu a carteira e depois olhou… 

    O pai abriu a carteira e depois olhou para a mulher e para o filho:
    — Esse menino tirou dinheiro daqui!
    — berrou ele.
    — Como sabes que foi ele?
    — protestou a mulher
    —. Podia ter sido eu.
    
O pai abanou a cabeça e disse:
    — Não. Tu não foste. Ainda ficou algum na carteira.
     
  • Anedota Comentar!
    325 dias · , , , , , , , , , menino, , ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Mê querido filho Ponho te estas poucas linhas… 

    Mê querido filho
    Ponho-te estas poucas linhas que é para saberes que tôu viva.
    Escrevo devagar porque sei que não gostas de ler depressa. Se receberes esta carta, é porque chegou. Se ela não chegar, avisa-me que eu mando outra.
    O tê pai leu no jornal que a maioria dos acidentes ocorrem a 1 km de casa. Por isso, mudámo-nos pra mais longe.
    Sobre o casaco que querias, o tê tio disse que seria muito caro mandar-to pelo correio por causa dos botões de ferro que pesam muito. Assim, arranquei os botões e meti-os no bolso. Quando chegar aí prega-os de novo.
    No outro dia, houve uma explosão na botija de gás aqui na cozinha. O pai e eu fomos atirados pelo ar e caímos fora de casa. Que emoção: foi a primeira vez, em muitos anos que o tê pai e eu saímos juntos.
    Sobre o nosso cão, o Joli, anteontem foi atropelado e tiveram de lhe cortar o rabo, por isso toma cuidado quando atravessares a rua.
    Na semana passada, o médico veio visitar-me e colocou na minha boca um tubo de vidro. Disse para ficar com ele por duas horas sem falar. O tê Pai ofereceu-se para comprar o tubo.
    A tua irmã Maria vai ser mãe, mas ainda não sabemos se é menino ou menina. Portanto, nã sei se vais ser tio ou tia. O tê mano Antóino deu-me hoje muito trabalho. Fechou o carro e deixou as chaves lá dentro. Tive de ir a casa, pegar a suplente para a abrir. Por sorte, cheguei antes de começar a chuva, pois a capota estava aberta.
    Se vires o Sr. Alcino, diz-lhe que mando lembranças. Se nã o vires, nã lhe digas nada.
    Tua Mãe Mariana
    PS: Era para te mandar os 100 euros que me pediste, mas quando me lembrei já tinha fechado o envelope.
    DESCULPA a minha lêtra, mas eu tenho andado muito rouca.

     
  • Anedota Comentar!
    332 dias · , menino, ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Num infantário a educadora está a ajudar um… 

    Num infantário a educadora está a ajudar um menino a calçar as botas.
    Ela faz força, faz força, e parece impossível: as botas estão muito apertadas.
    Ao fim de algum tempo, e a muito custo, uma bota já entrou e a outra já está quase.
    Nisto, diz o miúdo:

    • As botas estão trocadas!

    A educadora pára, respira fundo, vê que o rapaz tem razão e começa a tirar-lhe as botas. Mais uma dose de esforço e depois ela torna a calçar-lhas, desta vez nos pés certos.
    Ao fim de muito tempo e muito esforço, ela lá é bem sucedida e diz: – Bolas… estava a ver que não… custou…

    • Sabe é que estas botas não são minhas!

    A educadora fecha os olhos, respira fundo e recomeça a descalçar o rapaz novamente. Quando finalmente consegue, diz ao miúdo:

    • OK! De quem é que são estas botas, então?
    • São do meu irmão! A minha mãe obrigou-me a trazê-las!

    A educadora fica em estado de choque, pulsação acelerada, vai respirando fundo, decide não dizer nada e a calçar novamente o rapaz.
    Mais uma série de tempo e finalmente consegue.
    Por fim diz-lhe:

    • Pronto, as botas já estão! Onde é que tens as luvas?

    Estão dentro das botas!

     
  • Anedota Comentar!
    346 dias · , , menino,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    – A mãe apresentou o bebé recém nascido… 

    – A mãe apresentou o bebé recém-nascido ao filho mais velho de três anos: – Vês como é tão queridinho? – Não é nada!, gritou a criança mal-humorada. Careca, sem dentes, de olhos fechados? Enganaram-te, mamã! Deram-te um menino em segunda mão!

     
  • Anedota Comentar!
    392 dias · , menino,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Mas quais teriam sido os seus comentários ao… 

    Mas quais teriam sido os seus comentários ao partirem?

    • Viste as sandálias que a Maria usava com aquela túnica?
    • O menino não se parece nada com o José!
    • Virgem! Pois está bem! Já a conheço desde o liceu!
    • Como é que é possível que tenha todos esses animais imundos a viver dentro de casa?
    • Disseram-me que o José está desempregado!
    • Queres apostar em como não te devolvem a panela?
     

c
compor novo post
j
próxima post/próximo comentário
k
post anterior/comentário anterior
r
responder
e
editar
o
mostrar comentários
t
voltar ao topo
l
iniciar a sessão
h
mostrar/esconder ajuda
esc
cancelar