Com as tags: trabalho Mostrar Comentários | Atalhos

  • Anedota Comentar!
    30 dias · , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Dilema do Empregado
    Se é atencioso, é puxa-saco
    Se não é, é arrogante
    Se chama o chefe de você, é folgado
    Se chama o chefe de senhor, é desambientado
    Se fica depois da hora, está fazendo média
    Se sai na hora certa, é desinteressado
    Se cumpre estritamente as normas, não tem iniciativa
    Se questiona, é indisciplinado
    Se elogia, é gozador
    Se critica, é insubordinado
    Se diz-se satisfeito, é hipócrita
    Se diz-se insatisfeito, é ingrato
    Se não tem trabalho, é porque não procura
    Se tem muito trabalho, é porque é lerdo
    Se faz cursos, é aproveitador
    Se não os faz, não tem vontade de crescer
    Se procura conhecer outros serviços, é dispersivo
    Se só entende do seu, é bitolado
    Se não colabora, é mandado embora
    Se colabora, O chefe dele é promovido!!!!

     
  • Anedota Comentar!
    148 dias · , , , , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O sujeito está no motel com a amante, curtindo o pós-coito, quando ela resolve interromper o silêncio:

    – Ricardo, por que você não corta essa barba?

    – Se dependesse só de mim… – retruca – Você sabe que minha mulher seria capaz de me matar se eu aparecesse sem barba.

    – Ora, querido – insiste a amante – Faça isso por mim, por favor…

    O sujeito continua dizendo que não dá, até que não resiste às súplicas da amante e resolve atender ao pedido. Depois do trabalho ele passa no barbeiro, em seguida vai a um jantar de negócios e quando chega em casa a esposa já está dormindo.

    Assim que ele se deita, sente a mão da esposa afagando o seu rosto e a sua voz sonolenta:

    – Carlão, você ainda está aqui? Vai embora! O meu marido já está pra chegar…
     
  • Anedota Comentar!
    156 dias · , , , , , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Dois casais, um de paulistas e outro de cariocas, estavam jogando cartas e uma carta caiu embaixo da mesa. O paulista abaixou para pegar e deu uma olhadela na mulher do carioca por baixo da mesa, ela estava sem calcinha e com a pacoteira a mostra. Alguns minutos depois o paulista suando quente levantou para tomar água e a mulher do carioca disfarçou e foi atrás dele.

    Chegando na cozinha ela perguntou:

    -E ai? O que achou?
    -Maravilhoso. Respondeu o paulista.
    -Qualquer 1.000 reais e a gente conversa. Disparou a carioca safada.
    -Tudo bem e só dizer quando!
    -Amanha a tarde ele não vai estar em casa você pode ir la.
    -Combinado!
    -No outro dia a tarde o paulista chegou na hora marcada pagou os 1.000 reais e mandou ver na mulher do carioca.

    No fim da tarde o carioca chega do trabalho e pergunta a mulher:

    -O paulista esteve aqui a tarde?
    -Sim. Respondeu a mulher assustada.
    -Deixou 1.000 reais?
    -Sim respondeu a mulher completamente apavorada.
    -Ufa que alivio, aquele paulista filho da mãe esteve no meu escritório pela manhã, me pediu 1.000 reais emprestado e disse que passava aqui hoje a tarde sem falta para me pagar.
     
  • Anedota Comentar!
    257 dias · , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Toda tarde, quando saía do trabalho e ia para o ponto de ônibus, Nélio via um desconhecido passar de carro e gritar:

    – Aê, corno manso!

    Depois de uma semana escutando tais desaforos, ele ficou desconfiado e foi pedir explicações à mulher:

    – Não se preocupe, meu bem – tranqüilizou ela – Deve ser algum desocupado que faz isso em todo ponto de ônibus!

    No dia seguinte, Nélio vai para o ponto e espera por seu ônibus normalmente, até que o mesmo sujeito passa gritando:

    – Aê, corno manso! Além de corno é fofoqueiro!
     
  • Anedota Comentar!
    272 dias · , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    A loira chega no trabalho em lágrimas. O chefe, sempre solícito com a loira pergunta o que aconteceu:
    – Hoje de manhã, antes de sair para trabalho, recebi um telefonema dizendo que minha mãe morreu!
    O chefe propõe imediatamente: – Patrícia, volte para casa imediatamente. Vá descansar.
    – Não quero – responde a loira – prefiro ficar trabalhando, vai me distrair.
    Algumas horas depois o chefe nota que a loira voltou a chorar, mais sofrido ainda. Ele vai até ela e pergunta:
    – Não melhorou?
    A loira explica: – A bruxa tá solta! Acabei de receber um telefonema de minha irmã. A mãe dela também morreu…
     
  • Anedota Comentar!
    332 dias · , , , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Após uma longa e caliente lua de mel o maridão todo cheio de nove horas diz para a esposa:

    – Querida, nossa lua de mel foi uma maravilha, mas existem algumas regras que você deve saber e respeitar para termos o nosso casamento feliz.
    – Ok. Querido! Quais são as regras?
    – Bem, nas segundas e quartas, eu tenho um compromisso sagrado: eu saio para jogar futebol com os amigos. Eu já faço isso há anos com a mesma turma da faculdade, não vai nenhuma mulher e COM CASAMENTO ou SEM CASAMENTO eu vou!
    – Ok. meu amor! Tudo bem!
    – Bem, nas terças e quintas, eu tenho um outro compromisso sagrado: eu saio para ir a sauna com os amigos. Eu já faço isso há anos, com alguns amigos.

    Não vai nenhuma mulher e COM CASAMENTO ou SEM CASAMENTO eu vou!

    – Ok. meu amor! Tudo bem!
    – Nas sextas-feiras eu tenho um compromisso quase profissional: eu saio para tomar cerveja com o pessoal do escritório. É o lado social do nosso trabalho… você sabe como é! Eu já faço isso há anos…

    Não vai nenhuma mulher e COM CASAMENTO ou SEM CASAMENTO eu vou!

    – Ok. meu amor! Tudo bem!
    – Poxa! Que bom que você entendeu tudo direitinho!

    Encontrei a mulher certa! A minha turma vai ficar morrendo de inveja da minha sorte!

    – Vamos nos dar muito bem, querida…

    Quando ela faz um aparte…

    – Espere um pouquinho meu amor! Eu também tenho uma regra que eu quero continuar seguindo, é apenas uma, e depende muito de você!
    – E qual é, meu amor?
    – TODAS AS NOITES, COM MARIDO OU SEM MARIDO, EU TRANSO!
     
  • Anedota Comentar!
    353 dias · , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Depois de muito relutar e um tanto quanto a contra-gosto, o sujeito contrata o caipira para tomar conta do seu escritório.

    No primeiro dia de trabalho do caipira, ele passa a manhã toda fora e quando volta vai logo perguntando:

    – Alguém esteve aqui?

    E o caipira:

    – Esteve sim, senhor!
    – Quem?
    – Eu.

    E o sujeito, irritado:

    – Não foi isso que eu perguntei. Eu queria saber se alguém entrou aqui neste escritório depois que eu saí.
    – Entrou sim, senhor!
    – Quem?
    – O senhor!
     
  • Anedota Comentar!
    359 dias · , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Aquele jovem advogado, recém-formado, montou um luxuoso escritório num prédio de alto padrão na Av. Paulista e botou na porta uma placa dourada: “Dr. Antônio Soares — Especialista em Direito Tributário”.

    No primeiro dia de trabalho, chegou bem cedo, vestindo o seu melhor terno e sentou-se atrás de sua escrivaninha, cheio de empáfia e ficou aguardando o primeiro cliente.

    Meia hora depois batem à porta. Rapidamente ele apanha o telefone do gancho e começa a simular uma conversa:

    – Mas é claro, Sr. Mendonça, pode ficar tranqüilo! Nós vamos ganhar esse negócio! O juiz já deu parecer favorável! Sei… sei… Como? Meus honorários?
    – Não se preocupe! O senhor pode pagar os outros 50 mil na semana que vem!… é claro!… Sem problemas!… O senhor me dá licença agora que eu tenho um outro cliente aguardando… obrigado… um abraço!

    Bate o fone no gancho com força e vai abrir a porta:

    – Pois não, o que o senhor deseja?
    – Eu vim instalar o telefone!
     
  • Anedota Comentar!
    380 dias · trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Após um dia de trabalho na colocação de postes de iluminação, o mestre de obras reúne seus operários para um balanço:

    – Arnaldo e Júlio?
    – Colocamos dezoito postes!
    – Juventino e Amaral?
    – Colocamos dezessete postes!
    – Joaquim e Manuel?
    – Colocamos dois postes!
    – Dois?! – berrou o capataz. – Como vocês explicam isso? Os outros instalaram quase dez vezes mais!
    – Mas o senhor viu o tanto que eles deixaram para fora da terra?
     
  • Anedota Comentar!
    402 dias · , , , , , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O diretor de produção, o estagiário de marketing e o presidente de uma empresa estacionaram o carro e estão a caminho de um restaurante por quilo.

    Em um canto sujo eles encontram uma lâmpada antiga. Esfregam a lâmpada e de repente aparece um génio, que lhes diz:

    – Olá! Anh? Vocês três me acharam? Eu só posso realizar 3 desejos, por isso, cada um só pode pedir um!

    O diretor de produção diz logo:

    – Eu primeiro, eu primeiro! – e exprime o desejo: – Eu quero estar em Miami, no volante de um barco ultra-rápido e rodeado de mulheres!

    Puff! Ele imediatamente é tele-transportado para lá.

    – Agora eu, agora eu! – grita o estagiário de marketing. – Eu quero estar em uma praia de Cancun, tomando umas bebidas exóticas com umas mulheres de topless!

    Puff! Também foi direto pra lá.

    Em seguida diz o génio ao presidente da empresa:

    – É a sua vez!

    E o presidente diz:

    – Cancele os pedidos deles. Eu quero estes dois cretinos de volta ao trabalho depois do almoço!

    MORAL DA HISTÓRIA!

    Não seja idiota! Deixe sempre o chefe falar primeiro.
     
  • Anedota Comentar!
    405 dias · , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O médico pergunta à loira:
    – Você costuma ter relações durante o dia?
    – Sim, pelo menos duas vezes por semana.
    – E durante o acto, fala com seu marido?
    – Não. Ele não gosta que eu ligue para o trabalho dele.
     
  • Anedota Comentar!
    515 dias · , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O bombeiro, depois de um dia exaustivo de trabalho, a apagar não sei quantos incêndios e a salvar pessoas, chegou a casa muito cansado e entrou rapidamente. A mulher, que estava no quarto, gritou:
    -Não, João Carlos, não acendas a luz que eu estou a morrer de dor de cabeça.
    E antes de que ele pudesse dar mais um passo, ela gritou ainda mais:
    -Pelo amor de Deus, não acendas a luz, que tou com uma enxaqueca das grandes!
    Ele tirou a roupa mesmo às escuras , enquanto a mulher gemia e gritava:

    • Não acendas a luz, que me irrita os olhos e a dor de cabeça ainda piora!

    E o pobre marido ficou com pena da mulher, tornou a vestir-se , no escuro, e correu para a farmácia da esquina, que estava de serviço. O farmacêutico, que via o homem passando por ali, reconheceu-o e disse:
    -Oica, o senhor não é bombeiro?
    -Sou…
    -E o que é que está a fazer com essa roupa de guarda-nocturno?

     
  • Anedota Comentar!
    515 dias · , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O coveiro de um cemitério está andando pelo seu local de trabalho quando se depara com a triste cena de um homem chorando copiosamente sobre um túmulo.

    – Por que você tinha que morrer? – grita ele, inconsolável – Por quê?

    O coveiro fica muito penalizado e tenta consolá-lo:

    – Essa dor vai passar, senhor… É duro perder um ente querido, mas um dia vai passar…
    – Ente querido? – exclama o sujeito, enxugando as lágrimas – Eu nem conhecia o cara!
    – Ué! – estranha o coveiro – Então por que tanto choro?
    – É que ele foi o primeiro marido da minha esposa!
     
  • Anedota Comentar!
    605 dias · , , , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O executivo ficou trabalhando até mais tarde e sua secretária, tadinha, teve que ficar também. Terminados os afazeres, já eram dez da noite e o mínimo que ele poderia fazer era oferecer uma carona pra ela.

    Chegando na casa da moça, ela o convidou para subir e ele, para ser gentil, aceitou. Lá em cima, bebeu um whiskie e logo já estava na cama com ela. Depois de algumas horas de trabalho duro, ele pegou no sono e acordou às quatro da manhã, desesperado. No meio do caminho pra casa ele comprou um giz e colocou na orelha. Chegando em casa a mulher o recepcionou:

    – Posso saber onde o senhor estava até uma hora dessas?
    – Ai, amorzinho… Eu dei carona pra minha secretária aí nós tomamos umas doses, eu acabei transando com ela e só acordei às 4 da manhã!
    – Deixa de ser mentiroso, seu cachorro! Você estava é jogando bilhar com os seus amigos! Pensa que eu não tô vendo o giz que você esqueceu na orelha?
     
  • Anedota Comentar!
    618 dias · , , , , trabalho   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Durante uma apresentação, um ventríloquo estava contando todo o seu repertório de piadas de loiras com o seu marionete Zequinha. De repente uma loiraça se levantou e começou a discursar:

    – Já ouvi o suficiente das suas piadas denegrindo as loiras, seu idiota. O que o faz pensar que pode estereotipar as mulheres desse jeito? O que tem a ver os atributos físicos de uma pessoa com o seu valor como ser humano? São caras como você que impedem que mulheres como eu sejam respeitadas no trabalho e na comunidade, que nos impedem de alcançar o nosso pleno potencial como pessoa. Por sua causa e por causa das pessoas da sua laia, perpetua-se a discriminação, não só contra as loiras, mas contra as mulheres em geral…tudo em nome desse pseudo-humor!

    Perplexo e envergonhado, o ventríloquo começou a se desculpar:

    – Minha senhora, não foi essa a minha intenção…

    E a loira, em tom raivoso, interrompe:

    – Fique fora disso, meu senhor! Eu estou falando com esse rapazinho desprezível que está sentado no seu colo!
     
  • Anedota Comentar!
    625 dias · , , , , , trabalho,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Mais ou menos 40 anos, executivo, bem apessoado, senta-se na poltrona do avião com destino a New York e, maravilha, depara-se com uma morena escultural sentada na poltrona junto à janela. Pernas cruzadas, perfeitas, saia curta deixando entrever um belíssimo par de coxas, seios no tamanho exato, empinados, lábios carnudos, mas sem volume demasiado, enfim, uma DEUSA…

    Decola a aeronave, céu de brigadeiro, uma vontade enorme de puxar conversa, mas a morena, impassível, lê um grosso volume com muita atenção. 15 minutos de vôo e o cavalheiro não se contem:

    – É a primeira vez que vai a New York?

    Ela, gentil, com uma voz muito sensual, mas de certa forma reservada:

    – Não, é uma viagem habitual…

    Ele, agora animado:

    – Trabalha com moda, por acaso…?
    – Não, viajo em função de minhas pesquisas…
    – Desculpe-me a curiosidade é escritora…?
    – Não, sou sexóloga.
    – Muito interessante e raro. Suas pesquisas dedicam-se, na sexologia, a quê, especificamente?

    Ela, tranquila e sempre com a mesma voz de veludo:

    – No momento, dedico-me a pesquisar as características do membro masculino, o que julgo ser um trabalho de fôlego e muito difícil.
    – Nas suas pesquisas, a que conclusões já chegou?
    – Bom, de todos os pesquisados, já concluí que os Índios, sem dúvida, são os portadores de membros com as dimensões mais avantajadas e, em contrapartida, os Arabes são os que permanecem mais tempo no coito, antes de entrarem em gozo; logo, são os que proporcionam mais prazer às suas parceiras. Além disso… Oh! Me desculpe! Eu estou aqui falando sem parar e nem sei seu nome…
    – Caramuru Abbud, às suas ordens!
     

c
compor novo post
j
próxima post/próximo comentário
k
post anterior/comentário anterior
r
responder
e
editar
o
mostrar comentários
t
voltar ao topo
l
iniciar a sessão
h
mostrar/esconder ajuda
esc
cancelar