Com as tags: morte Mostrar Comentários | Atalhos

  • Anedota Comentar!
    230 dias · , , morte   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    • Você vai ser condenado à morte na guilhotina.
    • Que azar. E pensar que eu paguei um dinheirão há dias para me tirarem as amígdalas.
     
  • Anedota Comentar!
    232 dias · , , , morte, vela   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Numa certa época implantaram a pena de morte em Portugal.
    Matavam os criminosos na cadeira eléctrica.
    Um dia na altura de matar um assassino faltou a luz!
    Após alguns minutos ouvem-se gritos altíssimos.
    O director da cadeia não entende o que se passa e pergunta:
    “O que é que se passa ?? Porquê a gritaria ??”
    “É que estamos a matá-lo com a vela chefe!”

     
  • Anedota Comentar!
    232 dias · , incendio, morte   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Em Lisboa, após um incêndio num pequeno prédio, os bombeiros, ao verificar os destroços, encontram apenas um morto. E justamente um homem que estava de cabeça para baixo, com o dedo indicador apontando para um sitio bastante queimado. Ao seu lado, um extintor de incêndio, com a seguinte instrução:
    “Em caso de incêndio, vire de cabeça para baixo e aponte para a chama”.

     
  • Anedota Comentar!
    242 dias · , , , , , , morte,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O marido estava em seu leito de morte e chamou a esposa. Com voz rouca e já bem fraca, diz à mulher:
    – Meu bem, chegue mais perto. Eu quero lhe fazer uma confissão!

    – Não, não – respondeu a mulher. – Sossegue e fique quietinho aí, porque você não pode fazer esforço.

    – Mas mulher – insistiu o marido. – Eu preciso morrer em paz! Eu quero confessar uma coisa que está me atormentando!

    – Está bem, está bem! Pode falar!

    – É o seguinte. Eu transei com a sua irmã, com a sua mãe e com a sua melhor amiga!

    – Eu sei, eu sei – disse a mulher. – Foi por isso que eu te envenenei, seu filho da p…
     
  • Anedota Comentar!
    256 dias · , , , morte   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O advogado, no leito da morte, pede uma Bíblia e começa a lê-la avidamente.

    Todos se surpreendem com a conversão daquele homem ateu, até que um de seus colegas pergunta o motivo daquela súbita mudança.

    O advogado, com voz cansada, responde:
    – Estou procurando brechas na lei.
     
  • Anedota Comentar!
    312 dias · , , morte   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O Jacob vai colocar um anúncio no jornal.

    Gostaria de colocar um nota fúnebre do morte de meu esposa,ele diz ao atendente.

    – Pois não, quais são os dizeres?

    Sara morreu!

    – Só isso? espanta-se o rapaz.

    Sim, Jacob não quer gastar muito.

    – Mas o preço mínimo permite até 5 palavras.

    Então coloca: “Sara morreu. Vendo Monza 94.
     
  • Anedota Comentar!
    473 dias · , , , , , morte,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    No primeiro dia de aula, numa escola secundária dos EUA, a professora apresentou aos alunos um novo colega, Sakiro Suzuki, vindo do Japão.
    A aula começa e a professora:
    – Vamos ver quem conhece a história americana. Quem disse: Dê-me a liberdade ou a morte? Silêncio total na sala. Apenas Suzuki levanta a mão:
    – Patrick Henry em 1775 em Filadélfia.
    — Muito bem, Suzuki.
    E quem disse: O estado é o povo, e o povo não pode afundar-se?
    Suzuki:
    – Abraham Lincoln, em 1863, em Washington.
    A professora olha os alunos e diz:
    – Não têm vergonha? Suzuki é japonês e sabe mais sobre a história americana que vocês! Então, ouve-se uma voz baixinha, lá ao fundo:
    – Japonês filho da puta!
    – Quem foi?, grita a professora.
    Suzuki levanta a mão e, sem esperar, responde:
    – General McArthur, em 1941, em Pearl Harbour.
    A turma fica super silenciosa. Apenas se ouve do fundo da sala:
    – Acho que vou vomitar.
    – Quem foi?, grita a professora novamente.
    E Suzuki:
    – George Bush Sénior, ao Primeiro-Ministro Tanaka, durante um almoço em Tókio, em 1991.
    Um dos alunos fala:
    – Chupa-me o pau!
    E a professora, irritada:
    – Acabou-se! Quem foi agora?
    E Suzuki, sem hesitações:
    – Bil Clinton à Mónica Lewinsky, na Sala Oval da Casa Branca, em Washington, em 1997.
    E outro aluno fala ao fundo:
    – Suzuki de merda!
    E Suzuki responde:
    – Valentino Rossi, no Grande Prêmio de Moto de Velocidade, no Rio de Janeiro, em 2002.
    A turma fica histérica, a professora desmaia, a porta abre-se e entra o diretor, que diz:
    – Que merda é essa? Nunca vi uma confusão deste tamanho!
    E Suzuki, bem alto:
    – Mariano Gago para José Sócrates em 2007, após ter recebido o relatório da inspeção feita à Universidade Independente.
     
  • Anedota Comentar!
    696 dias · , , , morte   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    Depois da morte, o casal encontra-se no céu. A mulher: – Que tal continuarmos casados?
    Marido: – No dia do casamento fui claro: – “até que a morte nos separe. ” agora desaparece.
     
  • Anedota Comentar!
    902 dias · , , morte, ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    No Consultório da Vidente
    — Sinto dizer-lhe, mas dentro de pouco tempo vai usar o véu das viúvas. O seu marido morrerá de morte violenta.
    — E serei absolvida? — pergunta a senhora, rapidamente.

     
  • Anedota Comentar!
    1010 dias · , , , , , morte, ,   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    O doente à beira da morte está deitado na cama. Em volta dele estão o seu médico, seu advogado, sua mulher e seus filhos, todos esperando pelo momento. De repente, o doente abre os olhos, olha em volta e grita:

    • Assassinos, ladrões, mal-agradecidos, sem-vergonhas, pilantras! O médico, meio confuso, diz:
    • Acho que ele está melhorando.
    • Por que acha isso, doutor? – pergunta a mulher.
    • Ele reconheceu certinho todo mundo aqui no quarto.

     
  • Anedota Comentar!
    1476 dias · , morte   
    facebook twitter reddit whatsapp messenger telegram share

    P: Qual é o Cúmulo da Vadiagem?
    R: É a morte bater à porta e não estar ninguém em casa.

     

c
compor novo post
j
próxima post/próximo comentário
k
post anterior/comentário anterior
r
responder
e
editar
o
mostrar comentários
t
voltar ao topo
l
iniciar a sessão
h
mostrar/esconder ajuda
esc
cancelar