— Porque bebes tanto?
— Para esquecer.
— Esquecer o quê?
— Esquecer que tenho vergonha.
— Vergonha de quê?
— De beber tanto.