Um comerciante, à hora da morte, convocou os filhos.
— Estás aí, Zé? Chega-te cá, meu filho. E o Tóino, também veio? Onde está o Chico?
A mulher, acalmando-o:
— Repara bem. Estão todos aqui.
— Com mil raios! E quem é que ficou na loja?